domingo, 5 de julho de 2015

Calvinismo Virtual


“Há mais de dez anos uma afirmação um tanto impopular para o evangelicalismo brasileiro foi dita em uma comunidade do Orkut[1]chamada Perguntas Cristãs Complicadas. A frase mencionava o seguinte “O livre arbítrio não existe”, ou seja, o homem não é totalmente livre. Foi assim que nasceu o calvinismo virtual”.


Calvinismo é uma orientação teológica ensinada por João Calvino, o grande Reformador Protestante do século XVI. E foi popularizada após sua morte.

O Calvinismo ensina que o pecador está literalmente morto em delitos e pecados, e, portanto, não pode fazer nada em favor da salvação de sua alma. Afirma também que Cristo morreu somente pelos eleitos. Prega que Cristo salva a quem Ele quer e que a regeneração vem através apenas do Espírito Santo que cria o verdadeiro arrependimento e o dom da fé no coração daqueles que por quem Cristo morreu. O Calvinismo também afirma que os propósitos de Deus nunca podem ser frustrados. Por estes motivos, a cosmovisão Calvinista afirma que o livre arbítrio do homem não existe.

Um dos primeiros focos virtuais relevantes da doutrina Calvinista ocorreu em uma comunidade do Orkut chamada “Perguntas Cristãs Complicadas”. Nesta comunidade, cristãos, agnósticos, ateus, espíritas entre outros religiosos ou não, debatiam de forma acirrada suas opiniões a respeito de Deus, religião, metafísica, filosofia e outros assuntos relacionados à fé. Foi dentro destes debates, que muitos internautas conheceram a doutrina Calvinista. E neste ponto virtual que se se inicia a primeira onda[2] virtual Calvinista.

Dentro desta primeira onda, se iniciou a produção de blogues[3], pequenos sites que eram atualizados diariamente ou semanalmente com diversos temas, que também ensinavam e traziam textos que abordavam o Calvinismo. Os blogues mais populares da primeira onda são: Púlpito Cristão[4] e Genizah[5]. Neste contexto, mas em outras mídias virtuais como sites e redes de compartilhamento de vídeo, surgem dois expoentes do Calvinismo virtual, o canal Voltemos ao Evangelho[6] que traduzia vídeos de pastores calvinistas Norte Americanos e o site Monergismo.com[7] que também trazia material dos EUA, mas adequando a nossa língua.

Uma das características dessa primeira onda é o foco na teologia calvinista e apologética, mas os blogues calvinistas desenvolveram uma nova forma de abordagem teológica. De frente com as mazelas evangélicas brasileiras, os blogues calvinistas dessa onda criaram uma abordagem humorista, que mistura apologética com humor.

A segunda onda virtual Calvinista ocorre com a popularização das redes sociais. Essa popularização acontece com a chegada do Facebook[8] ao Brasil, que ocorreu em 2007.
O Facebook criou uma nova forma de compartilhar conteúdo. Uma ferramenta chamada Página, onde o usuário pode publicar conteúdo, que pode ser comentado, curtido e outros usuários podem seguir as publicações. Este novo dispositivo atraiu muitos criadores de conteúdo, que antes publicavam apenas em seu perfil pessoal, mas agora surge a oportunidade e liberdade de divulgar as postagens com maior alcance.

A primeira página relevante da segunda onda é a Calvino da Depressão[9], que mistura teologia calvinista com humor, tendência criada na primeira onda. Outra página criada dentro deste novo formato, teologia mais humor, é a Reforma que Passa[10], que no seu auge teve mais de 50 mil seguidores.

A característica principal da segunda onda é mais humor e um pouco de teologia calvinista, mas dentro desta expansão ainda surgiram blogues/sites que tratam mais de teologia calvinista e bem pouco, ou quase nada de humor, como o Barrabás Livre[11] e Internautas Cristãos[12].
O mundo virtual calvinista acabou encantando os novos calvinistas, e o sonho de todo neocalvinista dentro desta bolha virtual acabou se resumindo em ter uma página, blogue ou site que professe a doutrina calvinista, causando o fenômeno que eu chamo de terceira onda virtual Calvinista.

A terceira onda virtual Calvinista é marcada por um crescimento e expansão descontrolada de páginas, blogues e sites com conteúdo calvinista. Estes canais dão mais ênfase ao humor e tem como característica catequizar personagens seculares ao calvinismo. Um exemplo disso são as páginas Pica Pau Reformado[13], Máscara Reformado [14] e até mesmo MC Brinquedo Reformado[15].
O prisma dessa terceira onda é o humor, ou seja, o humor na maioria das vezes é colocado acima da teologia, causando em diversos momentos enorme desconforto e muita polêmica.

Mesmo assim, algumas páginas da terceira onda conseguiram equilibrar o humor com a teologia. Um exemplo deste tipo de página é a Presbiteriano Pobre[16], Atitude Cristã[17] e Reforma Quadrangular[18].

A expansão contemporânea do Calvinismo na internet é notória, mas deve ser sempre norteada pela ideologia da Reforma Protestante, os Cinco Solas[19], e edificada através da famosa frase da época do Sínodo de Dort (1618-1619),  “Ecclesia Reformata et Semper Reformanda Est” que significa “A Igreja é reformada e está sempre se reformando”, todavia, esta reforma contínua deve nos trazer para mais perto das Escrituras. Os calvinistas virtuais devem sempre buscar um melhor entendimento da verdade e fazer uma aplicação relevante dela para os nossos dias.




[1] O Orkut foi uma rede social filiada ao Google, criada em 24 de janeiro de 2004 e desativada em 30 de setembro de 2014.
[2] FRESTON em seu livro Pentecostalismo: seminário UNIPOP 1996 popularizou o termo onda, utilizando para representar as três fases do pentecostalismo no Brasil. Neste pequeno texto, vou utilizar o termo onda para representar as três fases e um fenômeno que nomeio de Calvinismo Virtual.
[3] Contração do termo inglês web log, "diário da rede" é um site cuja estrutura permite a atualização rápida a partir de acréscimos dos chamados artigos, ou posts.
[4] www.pulpitocristao.com
[5] www.genizahvirtual.com
[6] https://www.youtube.com/user/VoltemosAoEvangelho
[7] http://www.monergismo.com/ antigo http://www.monergismo.net.br/
[8] Facebook é um site e serviço de rede social que foi lançado em 4 de fevereiro de 2004.
[9] https://www.facebook.com/calvinodadepressao?fref=ts
[10] Hoje com o nome Reforma que Passa 3.0 Insurgente. https://www.facebook.com/pages/Reforma-que-Passa-30-Insurgente/801632803267232?fref=ts
[11] www.barrabaslivre.com
[12] O canal está no ar desde setembro de 2005, inicialmente com o nome de Cristãos Online. http://www.internautascristaos.com/
[13] https://www.facebook.com/PPReformado?fref=ts
[14] https://www.facebook.com/reformados2.0?ref=ts&fref=ts
[15] https://www.facebook.com/pages/MC-Brinquedo-Reformado/1578953295687833?fref=ts
[16] https://www.facebook.com/pobrepresbiteriano?fref=ts
[17] https://www.facebook.com/pages/Atitude-crist%C3%A3/228047124054009?fref=ts
[18] https://www.facebook.com/ReformaQuadrangular?fref=ts
[19] http://www.monergismo.com/textos/cinco_solas/cinco_solas_reforma_erosao.htm

2 comentários: